Home / Moda / Estilo / Já que é pra tombar... looks de cair o queixo usados no festival Afropunk

Já que é pra tombar... looks de cair o queixo usados no festival Afropunk

Use as teclas das flechas para a esquerda e para a direita de seu teclado para navegar pelo álbum.

...

Desde 2005 a região do Brooklyn, em Nova York, abriga o festival de cultura negra Afropunk, que hoje se expandiu e também conta com suas versões em Paris e Atlanta. 


A princípio, a ideia era transformar o documentário homônimo, lançado por James Spooner em 2003, em espaço físico. Assim, qualquer pessoa negra que se identificasse com o movimento punk teria a oportunidade de explorar um ambiente cultural e musical feito só para ela. Antigamente, espaços desse tipo eram dominados pelo underground branco. 


Atualmente, inclusive, o Afropunk já não é mais tão punk assim. Para aumentar público e visibilidade, a organização passou a cobrar pelos ingressos, e inseriu em seu line up shows de soul, além de artistas mais populares, como Mrs. Laurin Hill e Lenny Kravitz.


E é claro que onde tem festival de música tem também muuita moda - e uma infinidade de personalidades que tiram 10 no quesito estilo. Claro que com o Afropunk não seria diferente. Nas fotos a seguir, você verá todo tipo de beleza negra, traduzida em imagens incríveis que provam que o medo de ousar passa bem longe daqui.