Home / Beleza / Pele / Como lutar contra a pele oleosa e os poros dilatados?

Beleza

Como lutar contra a pele oleosa e os poros dilatados?

por Geovana Pereira Publicado em 9 de janeiro de 2017
56 compartilhamentos

O passo a passo para controlar de vez a oleosidade

Sabe o que caracteriza uma pele oleosa? Brilho aparente, poros dilatados, cútis amarelada e tendência a impurezas. Se você se depara com tudo isso ao olhar no espelho, veio ao lugar certo! Vamos explicar quais os fatores que causam esses probleminhas e dar dicas sobre como você pode deixar sua pele oleosa sob controle.

Qual a causa da pele oleosa?

Resposta: o aumento da produção de sebo. A tarefa do sebo é manter a flexibilidade da superfície da pele para retardar a perda de umidade e de proteger contra as má influências externas, como poluição. A pele normal produz tanto sebo quanto o necessário, mas as glândulas sebáceas da pele oleosa estão sempre correndo em alta velocidade. O excesso de sebo se acumula na superfície e resulta no brilho gorduroso.

A gordura por si só não seria tão ruim, é efetivamente uma "fraqueza estrutural" que pode causar problemas: a camada superior da pele fica mais espessa e dificulta a circulação (o que explica por que a pele oleosa é muitas vezes pálida). O sebo se acumula nas glândulas sebáceas e se expande – tornado os poros visíveis.

Como se isso não bastasse, a pele oleosa é um terreno ideal para as bactérias e o sebo, o prato principal no menu. Os seus metabolitos induzem a inflamação das glândulas sebáceas e pronto: espinhas (quase) inevitáveis.

A pele oleosa também tem o seu lado bom

Acredite ou não, mas a pele oleosa também tem vantagens: é geralmente muito robusta e resistente a influências externas. Além disso, é menos vulnerável ao envelhecimento prematuro da pele. Com o cuidado adequado, pode-se obter uma pele bonita e com boa aderência. Siga nossos passos.

Passo 1: diminuir o sebo

Culpar apenas os genes? Essa é apenas uma parte dos motivos para ter pele com excesso de oleosidade. A maioria das pessoas com este tipo de pele pode ter uma predisposição. Mas isso pode ser fortemente influenciado por fatores externos e internos.

Fatores que influenciam a quantidade de sebo na pele:

As glândulas sebáceas são muito sensíveis às alterações hormonais: durante o ciclo menstrual, o calor, estímulos mecânicos como esfregar ou limpar a pele de forma agressiva... Importante: o estresse também é um dos gatilhos do aumento da produção de óleo. Descansar e evitar o estresse, portanto, não é um benefício apenas emocional, mas também é bom para a pele!

Passo 2: manter os poros livres

A limpeza completa é essencial para a pele oleosa – os poros precisam estar livres para evitar a proliferação das bactérias causadoras de espinhas. Fazer uso de produtos de limpeza agressivos e esfrega-los forte, causa o efeito contrário ao desejado, faça tudo com muito cuidado. Use um gel de limpeza suave de pH neutro e lave o rosto com ele de manhã e à noite. Cuidado: a água deve ser morna, não quente. Em seguida, seque a pele com uma toalha delicadamente – fricção jamais!

Peeling regular também é uma obrigação: mantém os poros livres, remove calos e promove a circulação nas camadas mais profundas da pele. Produtos naturais ou os que combinam substâncias químicas, tais como ácido salicílico, são ideais. Vale lembrar que não se deve nunca esfregar de forma abrasiva!

> Mousse de Limpeza Facial, Elke, R$ 19.
> Esfoliante Rosto 3 em 1, Anna Pegova, R$ 87.
> Renew Clean Gel de Limpeza Facial, Avon, R$ 26.

Passo 3: tonificar a pele

Após uma limpeza, a tonificação está na agenda. Isso significa que você deve usar um toner facial. Ao contrário de outros tipos, a pele oleosa pode receber bem produtos com álcool, porque eles têm um efeito desinfectante, desde que contenham ingredientes ativos, tais como betaína ou triclosan.

O que mais deve ser inserido no toner facial?

  • um ingrediente que diminui os poros dilatados (extrato de hamamélis, por exemplo).
  • um agente que inibe o fluxo de sebo (como peróxido de benzoílo ou ácido retinóico).
  • um agente que acalma a pele (alantoína ou bisabolol são opções).


Coloque um pouco de toner sobre um chumaço de algodão e passe suavemente sobre todo o rosto. A pele deve, logo em seguida, ficar suave e fresca ao toque. Se ficar avermelhada ou irritada, você deve mudar para um produto mais suave.

> Oily Solution Tônico Equilibrante, Adcos, R$ 90
> Tônico Adstringente Anticravos, L'Oréal Paris, R$ 46
> Gel TRI-CONTROL, Bel Col, R$ 116

Passo 4: mantenha a pele úmida

Sabe do que sua pele definitivamente não precisa? De ainda mais gordura! "Oil free" é a expressão mágica. O que a pele oleosa, muito provavelmente, precisa é de umidade, por isso aposte em um hidratante em gel.

Produtos exclusivos para seu tipo de pele costumam proporcionar umidade e possuem ingredientes que inibem o fluxo de sebo e aliviam o brilho. Toalhas que eliminam o brilho são especialmente recomendadas para os cuidados matinais. Um soro livre de gordura e um pouco de creme antes de dormir são bem-vindos.

Preste atenção também nas palavrinhas "não comedogênico". Significa que o produto não contém substâncias que podem entupir os poros (tais como manteiga de cacau ou lanolina).

A idade também deve ser levada em conta! A pele oleosa de uma mulher de 35 anos pede produtos diferentes dos de uma adolescente. Conforme envelhecemos, podemos nos concentrar em produtos com propriedades antienvelhecimento, eles são a escolha certa para aquelas que querem deter a pele oleosa e as rugas.

> Matifying Moisturizer, Shiseido, R$ 253
> Aroma perfection Pufifying Anti-Imperfection, NUXE, R$ 118
> Sabonete Facial Revigorante Umbu, L’Occitane au Brésil, R$ 25

Passo 5: sem excesso de gordura

A produção de sebo não é a mesma durante todo o dia. Ao meio-dia ela atinge o seu pico, e durante a noite está no seu nível mais baixo. Na maquiagem, recomenda-se bases livres de óleo, a sua textura especial absorve o excesso de sebo e adere melhor.

Cuidado! O pó combinado com o sebo garante um resultado desagradável que atrai bactérias. Antes de aplicar a maquiagem, deixe-a o mais desengordurada possível. Papéis matificantes são a escolha certa.

Passo 6: cuidados extras

Especificamente, você pode usar máscaras que garantem um cuidado extra para controlar a oleosidade da pele. Por exemplo, a de argila branca – ela ajuda a desengordurar cuidadosamente na medida certa. Aplicada uma ou duas vezes por semana, uma boa máscara contribui de forma eficaz na neutralização da formação de impurezas. Tchau, acne!

Ainda não acabou!

Continue com a gente:

Mude de assunto:

por Geovana Pereira 56 compartilhamentos

você também vai <3: