Home / Maternidade / Quero engravidar / Como engravidar com o método billings

Como engravidar com o método billings

Publicado por Redação taofeminino
em 8 de abril de 2016

Método natural para engravidar, o billings é uma forma de conhecer o seu corpo e saber tudo sobre seu período fértil. Por Juliana Couto

Prepare o molesquine e a caneta, baixe o aplicativo de notas no seu celular e abra completamente a sua percepção: o método de ovulação billings precisa que você faça anotações diárias e conheça seu corpo. Isso porque para tentar engravidar por meio do billings, você vai precisar observar o seu muco e sua vulva para saber quando é seu período de ovulação e anotar diariamente os sintomas com palavras-chave que vão te ajudar a conhecer seu corpo.

De acordo com Armindo Dias Teixeira (SP), ginecologista especialista em reprodução humana, o billings “é um método natural e comportamental que vai propiciar ao casal ter relações em determinados dias do ciclo. Através de sensações diferentes, a mulher percebe durante o ciclo a umidade e a percepção da saída de tipos de muco que anunciam a chegada do período ovulatório. Portanto, não há necessidade de drogas, não tem efeitos colaterais e desperta mais conhecimento das alterações normais que ocorrem durante a vida fértil da mulher.”

Vamos partir do início?

Você menstruou. Depois que a sua menstruação acabar, a sensação na vulva é de secura total e com o passar dos dias a sensação de umidade volta acontecer, o que significa que sua ovulação está se aproximando. No período da ovulação, você pode sentir a saída de um muco, semelhante à clara de ovo, mais abundante e mais elástico. É importante observar os seguintes padrões: se o muco é opaco, claro, transparente em borra e se está com sangue, se é espesso ou aquoso e a quantidade de muco. Lembre-se, o billings não é a famosa tabelinha. Mais importante que marcar dias no calendário, a mulher leva em consideração as características individuais do seu corpo. São as mudanças que vão indicar em qual período do mês a mulher está fértil. É importante lembrar: você pode observas essas alterações ao longo do dia e anotar à noite sem fazer exames internos. O primeiro registro pode durar de duas a quatro semanas sem contato genital para que as observações não sejam confundidas com nenhuma secreção ocasionada por ter mantido contato.

Alessandra Nunes (RS), 41, usou o método billings para engravidar pela primeira vez. “Por volta de 2005/2006, eu comecei a ler sobre o método para entender como acompanhar. No primeiro mês eu ia anotando, todos os dias, depois anotava quando notava alguma mudança de aspecto ou quantidade. Comecei a perceber que sempre na mesma época acontecia o mesmo aspecto. Como meu muco não ficava elástico, como deveria, desconfiei que não estivesse ovulando. Aí troquei de médica, pois a minha médica, na época, dizia que era tudo normal. Quando a segunda médica me pediu exames, confirmou que eu não estava ovulando. E eu tinha um ciclo regulado. As mulheres sempre acham que ciclo regular é sinônimo de ovulação e eu tive a comprovação com experiência própria.” Depois de todo esse processo, Alessandra ainda descobriu que tinha endometriose e só engravidou da Giovana, 8, depois de fazer vários tratamentos, pois descobriu outras complicações hormonais. “O mês que engravidei foi o primeiro mês que voltei a notar o muco elástico”, completa.

Como Alessandra relata, é importante anotar para conhecer o seu próprio corpo e identificar as diferenças mensalmente. Notar o padrão de mudança a cada mês e perceber que ele acontece na mesma fase é a dica para saber que você está ovulando. Segundo Armindo, “o conhecimento do corpo mês a mês é fundamental nesse método, através dessa experiência ao longo da vida a mulher vai conseguir ter a percepção de todas as alterações que vão ocorrendo. Além do muco, pode existir uma leve dor na lateral da pelve no lado do ovário que irá ovular e um aumento da libido.”

Quando fazer sexo

Quando o muco vaginal estiver elástico, em grande quantidade e transparente, às vezes rosado, significa que você está no período fértil, mas ainda não ovulou. Quanto mais úmida você se sentir, mais perto está da ovulação. Quando a sensação for de um muco escorregadio e elástico, você chegou ao ápice: neste mesmo dia e nos dois dias seguintes é provável que aconteça a sua ovulação (a ovulação acontece no dia do pico de fertilidade e em alguns casos ela pode ocorrer em no máximo dois dias após esse pico).

Vamos às contas? O óvulo vive por 24 horas. Depois de três dias, seu período fértil vai acabar e, com ele, as chances de engravidar. Com o método billings, é importante fazer sexo no ápice e depois dele, porque o óvulo vive 24 horas, mas os espermatozoides vivem 72. Por isso, existem mulheres que engravidam menstruadas. Nem toda mulher ovula todo mês, então não entre em pânico. Faça suas anotações, passe para uma tabela e, claro, esteja com sua saúde ginecológica em dia. No mais: sexo!

Leia mais:
Como engravidar de menino?
Como engravidar de menina?
Como engravidar? Comece com uma alimentação saudável!
Exames que indicam que você está saudável para engravidar

Tags relacionadas #dicas gravidez#maternidade

+

Gostou? Tem mais

Bebê descobre como mexer as sobrancelhas

Bebê descobre como mexer as sobrancelhas

Bebê descobre como mexer as sobrancelhas Bebê descobre como mexer as sobrancelhas

A cidade de Barcelona como você nunca viu antes A cidade de Barcelona como você nunca viu antes

Pais cantam música da Disney para filha desinteressada Pais cantam música da Disney para filha desinteressada

Comentários