Home / Bem-Estar / Saúde / 8 maneiras simples de desintoxicar o corpo

© istock
Bem-Estar

8 maneiras simples de desintoxicar o corpo

by Alexandra Guida Published on 22 de agosto de 2017

Como desintoxicar o organismo?

Antes de bater algumas frutas e verduras no liquidificador e chamar de detox, saiba que um suco verde sozinho não dá conta de faxinar o seu organismo completamente. Para desintoxicar o corpo, a alimentação é protagonista, mas os cuidados podem ir além da mesa. Pois bem, nossa lista traz oito hábitos simples que ajudam você a eliminar toxinas e ter uma vida mais saudável. Que tal tentar começar agora? Depois, nos conte se deu certo, combinado?

Evitar bebidas industrializadas

Um estudo realizado pela Faculdade de Medicina e Saúde Pública da Universidade de Harvard indicou que pessoas que consomem bebidas açucaradas (refrigerantes, sucos e chás industrializados, isotônicos) têm 26% mais chances de desenvolver diabetes tipo dois do que aquelas que as tomam raramente. Nós também já contamos que uma latinha de refri por dia pode ser tão prejudicial para a saúde quanto fumar. Grave, não é? Café e álcool, em excesso, contribuem para desidratação.

Se a ideia é desintoxicar o organismo, invista em sucos naturais e água, muita água, que, entre outros benefícios, tem função reguladora, protege o coração, melhora o fluxo intestinal e ajuda a emagrecer.

Vá de orgânicos

O preço é salgado, mas vale dar preferência aos alimentos orgânicos em nome da saúde. Um estudo feito pela Universidade de Stanford provou que o consumo de vegetais orgânicos diminui a exposição do organismo a agrotóxicos – por motivos óbvios – e a bactérias resistentes a antibióticos.

Caso o investimento não caiba no bolso, uma dica: consulte o Programa de Análise de Resíduos Agrotóxicos em Alimentos da Anvisa, que enumera os vegetais com maior carga de pesticidas e escolha a versão orgânica dos itens com piores resultados. O último relatório, de 2012, traz a abobrinha em primeiro lugar, seguida pela alface.

Tome sucos naturais

Desintoxicar o organismo requer as escolhas mais naturais possíveis. Você é do tipo que passa longe das verduras na hora de montar o prato? Tente introduzir um copo de suco verde no cardápio. “A ingestão de verduras e legumes é ainda mais importante do que a de frutas porque esses alimentos fornecem vitaminas, minerais, fibras e quase zero açúcar e calorias”, explica a nutricionista esportiva Marina Gorga. Tomar sucos verdes, aliás, deve ser um hábito para a vida toda – não só para os momentos detox.

Extraia o máximo de nutrientes variando a receita diariamente, assim você não corre o risco de enjoar, nem de sobrecarregar o organismo com algum componente. Fique atenta às misturas: muitos itens juntos podem deixar seu suco verde calórico. Pessoas com hipotireoidismo devem limitar o uso de couve, já que, quando crua, ela interfere na absorção do iodo, essencial para a produção dos hormônios da tireoide.

Dê uma chance aos superalimentos

O mais bacana dessa história de desintoxicar o corpo é que você pode entrar no ritmo para incorporar a alimentação balanceada de vez à rotina. Os superalimentos, por exemplo, enchem as refeições de vitaminas, proteínas e minerais. Na próxima ida ao supermercado, lembre-se de colocar no carrinho:

Espinafre. Contém antioxidantes que combatem os radicais livres e o envelhecimento precoce, além de ajudar o cérebro a processar informações mais rápido.

Couve. A folha verde-escura mais usada nos sucos verdes virou queridinha porque é anti-inflamatória e cicatrizante.

Aipo. Também conhecido como salsão, protege o organismo contra diversos tipos de câncer.

Semente de abóbora. É um reforço e tanto para o sistema imunológico, também melhora a memória e a concentração.

Romã. Implacável contra a TPM e rica em vitamina C, aumenta os níveis de cálcio no corpo.

Trabalhe o coração

Os exercícios físicos contribuem muito para a desintoxicação do organismo porque impulsionam a circulação sanguínea, a excreção de toxinas e a saúde do coração. Se você é sedentária, comece com treinos curtos diários – uma caminhada leve, por exemplo. O ideal é consultar um especialista em educação física para que ele recomende a melhor atividade para você.

Transpire

Outra maneira de desintoxicar o organismo suando: a sauna. O calor aumenta a frequência cardíaca e estimula a circulação do sangue. A pele expele componentes tóxicos derivados da poluição atmosférica. Músculos e articulações também agradecem, já que as altas temperaturas ajudam a relaxá-los. Mas, antes de começar a sua sessão, atente-se às dicas do Harvard Men’s Health Watch:

▸ Evite o consumo de álcool e medicamentos que possam coibir a transpiração e gerar hipertermia, antes ou depois da sauna.
▸ O tempo de permanência dentro da sauna é de 15 a 20 minutos. Não ultrapasse esse limite.
▸ Se você sentir qualquer mal-estar, saia da sauna imediatamente.
▸ Após a sessão, refresque o corpo gradualmente.
▸ Beba água após a sauna. Pelo menos dois copos.
▸ Não frequente a sauna se estiver doente.

Prefira as fibras

Bater um smoothie saudável é uma ótima saída para quem não gosta de comer verduras e frutas; mas jogar os ingredientes no liquidificador tem uma desvantagem: as fibras são eliminadas.

Alguns dos benefícios de uma dieta rica em fibras estão o poder de diminuir a absorção de colesterol e gordura e evitar doenças cardiovasculares. Ou seja, prefira consumir vegetais inteiros para conservar a propriedade e ajudar na desintoxicação do corpo.

Veja também: 50 alimentos ricos em fibras

50 alimentos ricos em fibras © iStock

Drenagem linfática

A massagem já é truque de beleza das antigas, com a promessa de eliminar a celulite. Os movimentos da drenagem ajudam a acelerar um processo que o corpo já faz naturalmente, que é eliminar líquidos e resíduos através do sistema linfático, combatendo o inchaço e varrendo resíduos do corpo.

Continue com a gente!

Por que ficar sem jantar não é uma boa se você quer emagrecer
Mudanças para conquistar uma vida mais saudável
Aproveite o trajeto até o trabalho para estimular o cérebro

by Alexandra Guida

você também vai <3: