Home / Lifestyle / Sociedade / Garotinha “denuncia” clichês sexistas na moda infantil e vídeo viraliza

© Facebook @Lolly and Doodle/aufeminin
Lifestyle

Garotinha “denuncia” clichês sexistas na moda infantil e vídeo viraliza

by Redação taofeminino Published on 3 de outubro de 2016
104 shares

Filmada pela mãe em um supermercado, a pequena Daisy mostra que os estereótipos de gênero podem ser plantados desde cedo na cabeça das crianças

Brinquedos, revistas, material escolar e, claro, as roupas… Os estereótipos de gênero estão por todo lado e não atingem só o mundo adulto. Felizmente, como isso está começando a mudar, algumas crianças para lá de espertinhas já perceberam quando alguém (ou alguma marca) quer categorizá-las. Afinal, essa ideia de que as meninas só precisam vestir rosa com motivos delicados e os meninos, azul com temática à la super-herói já está bem ultrapassada, não?

A pequena Daisy, de Wiltshire, na Inglaterra, tem só 8 anos e percebeu isso também. Passeando com a mãe na seção de roupas de um dos supermercados da rede Tesco, ela ficou chocadíssima com as mensagens escritas em camisetas infantis para meninos e meninas, evidentemente diferentes.

Entre as peças da coleção infantil estavam camisetas em que estava escrito Hey! (em rosa, claro), Beautiful e I feel fabulous (“me sinto fabulosa”), para as meninas. Enquanto os garotos poderiam escolher entre “uma aventura no deserto do Arizona”, “Pense fora da caixa” ou simplesmente “Herói”.

“Isso é injusto porque todo mundo pensa que as meninas devem ser sempre bonitas e os meninos, aventureiros”, diz Daisy, visivelmente irritada. O vídeo foi gravado logo depois que ela saiu da aula de judô.

Loading...

Em outro trecho do vídeo (que está em inglês), a garotinha diz: “Pense fora da caixa, o que isso quer dizer? Aventure-se, nada pode te parar e persista nos seus sonhos! E ‘Hey’, o que quer dizer?”. A mãe de Daisy, quem filma o vídeo, pergunta se essas três letras são inspiradoras. A resposta é categórica: “Não acho que sejam inspiradoras!”. Boa, Daisy!

Os internautas também curtiram: desde que Becky, mãe de Daisy, postou o vídeo no Facebook, já houve quase 1,5 milhão de visualizações e 15 mil compartilhamentos. Diante da repercussão do vídeo, a rede de supermercados Tesco respondeu:

“Temos um estoque bastante variado de roupas tanto para meninos quanto para meninas e sempre procuramos ouvir nossos clientes. Temos que agradecer a Daisy por suas observações e podemos garantir que novos modelos chegarão em breve.”

Antes de o vídeo viralizar, Becky já havia tentado entrar em contato com o supermercado via Twitter e depois com a ajuda de um jornal local. A Tesco respondeu com um genérico “Agradecemos seu feedback.” Mais tarde, a mãe recebeu um e-mail do supermercado, perguntando se poderia enviar roupas, já que a opinião de Daisy era muito importante. “O problema não se restringe às prateleiras da Tesco, está em toda parte”, concluiu a mãe.

Daisy, a gente quer te conhecer! <3

Leia mais sobre empoderamento feminino:

by Redação taofeminino 104 shares

você também vai <3: