Home / Comportamento / Relacionamento / O que estar solteira pode lhe ensinar sobre si mesma

© iStock
Comportamento

O que estar solteira pode lhe ensinar sobre si mesma

by Karen Carneti Published on 16 de setembro de 2016

Quando você sai de um relacionamento, perde um parceiro. Mas, muitas vezes, se (re)encontra

Depois de um término (seja de namoro, rolo ou casamento), não é fácil recomeçar sua vida sozinha. Não porque ficar solteira seja ruim, mas apenas por ser diferente. E, claro, geralmente, principalmente no começo, também é doloroso. Mas, com o tempo, as coisas tendem a ficar melhores.

E é aí, quando a poeira já baixou um pouco e você está com a cabeça mais fria, que começa a reparar em algumas coisas. E percebe que dá para tirar lições valiosas sobre estar solteira novamente. Aqui estão sete coisas que você aprende nesta situação:

1. Você ainda é muito destemida

Muitas pessoas, antes de se comprometerem, são destemidas. Não têm medo de fazer nada sozinhas. Elas podem entrar em restaurantes de luxo para jantarem sozinhas, viajar o mundo sozinhas, e fazer tudo do jeito delas. Quando seu relacionamento termina, você percebe que ainda é corajosa ...E, para provar isso a si mesma, que tal fazer alguma viagem sozinha ao Sudeste Asiático por algumas semanas? Você pode tudo, acredite.

britney-spears-falando-pessoas-serem-destemidas

"Seja destemida em suas escolhas e não tenha medo de ser você mesma"

2. Talvez você goste de dormir sozinha

Muitas vezes você já sabe disso quando ainda está no relacionamento, mas agora é diferente. Você não apenas gosta de dormir sozinha, mas de adormecer sozinha, ler na cama e acordar sozinha, sem ter que rastejar por debaixo do peso da perna de alguém. É agradável passar o domingo todo sozinha na cama, com suas revistas e seu café, e não ter que falar com ou ouvir uma única alma.

3. Você sente uma sensação de liberdade inexplicável

Muitas pessoas sentem o pesado fardo que vem com a perda de um relacionamento, mas você pode ser do time que se sente livre. Claro, existem alguns meses dolorosos, mas você pode realmente se sentir livre. Seu futuro será definido pelas escolhas que faz para você – e mais ninguém.

4. Você é uma ótima companhia amorosa

Você é uma companhia fenomenal! Que tal “levar você mesma” para a ópera, a museus e para os melhores restaurantes da cidade? E, claro, lhe compre vinho caro, porque você sabe que merece.

personagem-desenho-dizendo-que-é-ótimo

"Não sou estranho e assustador, sou legal e ótimo"

5. Você não precisa de outra pessoa para ser feliz

Provavelmente você sabe disso faz bastante tempo. Talvez, depois de ser muito feliz em um relacionamento, você sinta como se não pudesse mais ser assim sozinha. Mas este sentimento passa, e você descobre que é possível, sim, voltar a ser feliz solteira.

6. Sua vida fica bem melhor sem dramas

Relações são cheias de drama. Mesmo aquelas que achamos que são perfeitas e estáveis. Até mesmo discussões bobas no dia a dia (COMO ASSIM VOCÊ TOMOU A ÚLTIMA XÍCARA DE CAFÉ?! VOU VIRAR ESSA MESA AGORA!) podem virar grandes dramas. Logo, é bom viver com menos deles na sua vida.

7. Você precisava disto

O que ficar solteira mais pode lhe ensinar, acima de tudo, é que você precisava disso. De verdade. Porque, na maioria das vezes, antes de um relacionamento acabar, você fica batendo a cabeça contra a parede e nunca chega a lugar nenhum. Você espera que o outro mude, mesmo sabendo que isso não vai acontecer nunca.

Em muitas situações, o outro é quase que literalmente um peso em volta do seu pescoço, e uma prisão sem uma janela para ver o sol. E, porque você o ama, acaba presa durante muito tempo; mais do que jamais deveria ter ficado. Então, quando você se dá conta de que está solteira e tranquila, percebe que não só precisava disso, mas merecia.

kerry-washington-dizendo-que-é-isso-que-importa

"E é isto que importa"

Continue com a gente! :)

♥​ 29 pensamentos que passam pela sua cabeça quando você tem um novo crush
Como evitar falar sobre política em um encontro amoroso
As 7 brigas que você terá com o amor da sua vida – e por que elas são “OK”
"O amor supera tudo", "Os opostos se atraem" e outros clichês colocados à prova: verdades ou não?
Por que é difícil encontrar um namorado no mundo “fácil” do namoro online

by Karen Carneti