Home / Beleza / Cabelos / Marcos Proença entrega as principais tendências de cores de cabelo para 2016

Marcos Proença entrega as principais tendências de cores de cabelo para 2016

Use as teclas das flechas para a esquerda e para a direita de seu teclado para navegar pelo álbum.

...

Naturalidade é a palavra de ordem para o ano, segundo o cabeleireiro das celebridades Marcos Proença, de São Paulo. “A coloração aponta para efeitos sutis e, nessa direção, as mechas babylights surgem como forte aposta”, afirma. A técnica, inspirada nos cabelos de bebês e crianças pequenas, consiste em fazer luzes bem finas e delicadas com tons levemente mais claros que a cor natural das madeixas. Geralmente, concentram-se na moldura do rosto, no topo da cabeça e nas pontas. “É uma forma interessante de dar leveza aos castanhos e acender loiros naturais”, comenta Proença. Ah, e vale ressaltar que essas mechas jamais podem causar a impressão de serem “listras”, viu?


Outra tendência que o radar do hairstylist detectou é o detailing, procedimento que ilumina apenas mechas pontuais ao redor do rosto e nas pontas do cabelo. “O efeito é surpreendente, e é uma boa alternativa para o intervalo de luzes, já que realça sutilmente o brilho e tom dos fios”, avalia.


Para quem curte uma ruivice, o tom da vez é o que flerta com o alaranjado – aquele que transmite a sensação de ser um ruivo natural mesmo, sabe? “E os castanhos monocromáticos ou levemente iluminados que ostentam aparência de bem cuidados não ficam para trás. Eles têm tudo a ver com a proposta para o ano”, complementa o expert.


E é claro que não nos esqueceríamos das adeptas dos estilos mais trendy e ousados. A notícia é boa: platinados extremos, cinzas e cores fantasia farão a cabeça de muita gente em 2016. “Nesses casos, é preferível descolorir os fios gradualmente por meio da técnica de mechas”, acredita Proença.


Manutenção


Quanto à necessidade de retoques, a frequência varia - tudo depende de como é a raiz. Se ela for escura, em degradé, pode ser feito dentro de um intervalo de tempo maior.  “Já as 100% platinadas e quem colore os fios com tons mais claros que o natural,principalmente as ruivas, precisam visitar o salão a cada 20 dias para o retoque da raiz e a manutenção da cor no comprimento e nas pontas”, avisa o cabeleireiro.


No quesito tratamento, para manter saudável a cabeleira colorida, é preciso, além de investir em produtos específicos para manutenção em casa, bater o cartão no salão regularmente. Reconstruções são ótimas para repor a matéria capilar perdida, enquanto tratamentos de nutrição são eficientes para dar maleabilidade aos fios e equilibrar o couro cabeludo.Hidratações, por sua vez, devolvem o brilho e a maciez ao cabelo. O ideal é avaliar, junto ao profissional, a opção que melhor atende suas necessidades.