Home / Lifestyle / Cultura / Por que Daenerys Targaryen é a personagem mais legal de Game of Thrones

© Reprodução/HBO
Lifestyle

Por que Daenerys Targaryen é a personagem mais legal de Game of Thrones

by Redacción enfemenino Published on 5 de novembro de 2013

Ela não é Khaleesi à toa...

Não é lá tão difícil amar Game of Thrones. Não é só pelas cenas de sexo calientes, os atores gatinhos ostentando coquinhos masculinos (alô, Jon Snow) e as tramas políticas. Ah, e perdão Mad Men, Breaking Bad, House of Cards e todas as outras séries desse mundo, você são muito legais mas ninguém aí tem dragões no currículo, tá?

Daenerys em si já é razão o suficiente para acompanhar GoT. Falem o que quiser, mas a garota já foi vendida para um guerreiro, perdeu um filho, ficou viúva, liderou seu povo através de um deserto, conquistou um exército sem um tostão no bolso, tomou para si a tarefa de acabar com a escravidão...ah, e falamos que ela simplesmente entrou numa fogueira e saiu de lá com três dragões no colo? Pois é, tudo isso com um cabelão-desejo platinado que a gente ama...

Daenerys e Khal Drogo © Reprodução/HBO

Ela é forte

Com apenas 13 anos Danny é vendida pelo seu irmão para ser noiva do terrível Khal Drogo, um guerreiro megamusculoso que vive sem camisa e basicamente mata qualquer um que não lhe agrada a cara. A menina Targaryen não abaixa a cabeça e por mais aterrorizador que ele seja, doma o maridão todo-poderoso que a via como um brinquedo sexual e nada mais. Daenerys ainda exige seu prazer sexual (vamos lembrar aqui que ela é uma garota em tempos homólogos à Idade Média, pessoal) e os dois acabam se apaixonando, nível adolescente (ele a chama de "Lua da minha vida" e ela, "meu sol e estrelas"). Pode isso, gente?

Drogo diz

Like a boss

Quando Daenerys adquire um exército de escravos a primeira coisa que ela faz é... libertá-los. Lógico, ela é contra a escravidão mas ela sabe que para conquistar um povo o mais importante é saber inspirar. Enquanto qualquer homem consegue liderar um exército com força e violência, ela comanda pela admiração, confiança e lealdade.

Mulherzinha, eu?

Ela sabe que a maioria dos homens vai subestimá-la pelo simples fato de ela ser mulher. Pensou que ela ia sentar e chorar e desejar ter nascido com o sexo oposto? No way! Daenerys entende as pessoas e sabe que a fraqueza dos homens está no medo de perder ou ter de ser dominado por uma mulher e usa isso a seu favor!

"Todos os homens devem morrer. Mas nós não somos homens."

Ela tem estômago de dragão

Danny é esperta o suficiente para saber que é mais fácil tentar mudar o seu destino do que lutar contra ele. Por isso depois que ela se casa com Drogo, aprende a língua do marido, se veste como seu povo e vive pelos seus costumes. Quando fica grávida, para provar que seu filho é forte perante seu povo, a khaleesi tem que comer um coração de cavalo cru in-tei-ro. Pergunta se a bonita passa mal? Sangue de dragão!

Mãe de dragões...e dos escravos

Antes de virar seus navios para Westeros e reconquistar o trono que era do pai, nossa heroína decide... acabar com a escravidão no mundo. Depois de libertar a cidade de Yunkai, os escravos gritam Danny de "Mhysa, Mhysa!" que quer dizer mãe.

"Dracarys"

Bom, ela fala a palavra mais legal do mundo e os dragões dela começam a soltar fogo por aí.

Daenerys, Mãe dos Dragões © Reprodução/HBO
by Redacción enfemenino

você também vai <3: