Home / Lifestyle / Cultura / Estes 16 mercadinhos europeus vão despertar o espírito do Natal em você

© iStock
Lifestyle

Estes 16 mercadinhos europeus vão despertar o espírito do Natal em você

by Ketlyn Araujo Published on 2 de dezembro de 2015

A Europa já se preparou para a chegada do Natal, e da melhor forma possível: decorando seus mercados de rua, com luzes, enfeites, vinho quente e doces. Te mostramos agora os mais incríveis

Do comecinho de dezembro até depois do Natal, os mercados natalinos lotam as ruas centrais de várias cidades europeias. Essa tradição concentra-se principalmente ao centro e ao norte do continente, onde as barraquinhas ficam cercadas por edifícios, no maior estilo João e Maria.

​Não conseguimos pensar em uma maneira mais legal de conhecer a Europa: a tradição dos mercados natalinos consegue misturar a decoração de Natal com o período em que as cidades ficam cobertas de neve. Vem conhecer 16 delas e já planejar a viagem pra dezembro!

Praga (República Checa) © iStock

Mercado natalino de Estrasburgo

Para inaugurar nossa lista, te apresentamos o mercado natalino de Estrasburgo, que surgiu em 1570. A cidade, que por si só já enche os olhos, fica repleta de luzes natalinas e ainda oferece um cheirinho delicioso de torta e vinho quente nessa época do ano.

Junto à sua imponente catedral, não faltam barracas com os produtos mais típicos da região: pães, crepes, estatuetas de natal e uma pista de patinação no gelo. Tudo isso junto a uma grande árvore decorada, é claro. Como não ter espírito natalino após passar alguns dias em Estrasburgo?

Mercado natalino de Copenhague

O mercado natalino de Copenhague está localizado no parque de atrações Tívoli, o mais antigo de toda Europa. Toda decoração parece ter vindo de um conto do famoso escritor dinamarquês Christian Andersen. Assim como em Estrasburgo, durante o natal, o lago que fica dentro do parque também se converte em uma pista de patinação no gelo.

No quesito gastronomia, não vá a Copenhague sem experimentar a gløgg & æbleskiver, uma bebida quente e picante feita à base de vinho tinto, que vem acompanhada de “bolinhas” de pão frito com açúcar e geleia.

Mercado natalino de Liubliana

Liubliana, capital da Eslovênia, se encontra a poucos quilômetros da Itália e foi governada pelos austríacos por muitos anos – isso é visto na arquitetura de seus edifícios.

O mercadinho fica ao longo do rio Ljubljanica e situado bem no centro histórico da cidade. Lá você encontra todo tipo de lembrancinha para levar pros amigos. Além disso, poderá provar a culinária típica do natal esloveno e visitar as lojas da cidade – que ficam todas decoradas para as festas.

Mercado de Bruxelas

Em Bruxelas o protagonista é o chocolate. O mercado, localizado na Grand-Place, a praça central da cidade, tem barracas representando cada país europeu, mas não faltam os produtos belgas.

Como acontece em muitos desses mercados, o de Bruxelas também conta como uma pista de patinação na praça de Santa Catherine – conhecida como a melhor pista de gelo da Europa, já que não foi projetada só para os amadores - os patinadores profissionais também batem cartão no local.

Mercado natalino de Dresden

Com quase seis séculos de história, o mercado de Dresden fica na praça de Altmark e leva o nome de Striezelmarket – devido a um bolo de frutas chamado striezel. Em todo segundo fim de semana de dezembro acontece por lá um concurso onde elegem o melhor bolo do ano.

No centro do mercado fica uma pirâmide de 14 metros e, ao lado, nos deparamos com uma competição de canto com músicas natalinas – a cantoria é tradição e acontece todos os anos. Com tantas atividades, é praticamente impossível ter que enfrentar o tédio em Dresden.

Mercado de Berlim

O mercado de Berlim tem um ar mais cosmopolita e moderno, mas sem perder o charme típico dos mercados alemães. Ele está localizado ao redor da Igreja Memorial do Imperador Guilherme, um espaço que não foi reconstruído desde a Segunda Guerra Mundial.

Mas esse não é o único mercado de Berlim. Por toda cidade podemos encontrar um grande número de barraquinhas com os produtos mais típicos da zona, e também uma preciosa decoração.

Mercado natalino de Tallinn

O mercado de Tallinn, na Estônia, fica no bairro antigo da cidade, o que deixa tudo com um espírito natalino muito mais latente, devido às barracas e às luzes. Lá podemos encontrar tanto alimentos típicos, quanto um coro musical, responsável por entreter os visitantes que passeiam por lá.

A maior atração do local é, com certeza, a enorme árvore de natal, onde está o Papai Noel para recolher as cartas das crianças. O mercado de Tallinn, além de tudo, é considerado patrimônio da humanidade pela Unesco. Vai perder o passeio?

Mercado natalino de Praga

Praga é campeã de visitas durante o ano todo, mas no natal os números crescem. Mesmo os tchecos não sendo muito religiosos, o mercadinho natalino deles é um dos mais imponentes da Europa.

Este mercado, que começa a acontecer quatro sábados antes da véspera de Natal, está localizado na parte antiga da cidade. Passeando entre as bancas, podemos encontrar desde cristais da Boêmia até brinquedos infantis feitos a mão.

Das montanhas de Krkonose chega a cada ano uma árvore de natal natural, decorada com muitas luzes para iluminar este mercado mágico. Então, se você procura pelos presentes mais originais e por um natal diferente, Praga é sua melhor escolha!

Mercado de Madrid

Em Madrid temos o mercado da Plaza Mayor, um dos locais que é destino obrigatório para carimbar no passaporte se você tiver a oportunidade de passar a época natalina em Madri. A praça fica cheia de barracas onde você pode ir com a família ou amigos, para comprar todo tipo de enfeite que imaginar.

Madri conta, ainda, com uma exposição de presépios imperdível. Além do festival de luzes que ficam expostas por toda cidade.

Mercadinho natalino de Munique

Se você gosta do natal, é imprescindível fazer uma visita ao mercadinho natalino de Munique. Ainda que existam várias opções pela cidade, o mais importante está localizado na Marienplatz, no centro. As luzes acendem às 5 da tarde do dia 1 de dezembro, celebração que acontece desde o século XIV. E durante todo o natal podemos ver uma árvore de 30 metros de altura com mais de 2000 lâmpadas.

Na Câmara Municipal, que fica na lateral da praça, você poderá contemplar um sino gigante, feito pelo importante escultor local, Reinhold Zellner.

Mercado natalino de Nuremberg

Em Nuremberg o mercadinho é inaugurado na sexta-feira anterior ao primeiro domingo de Advento, período religioso que antecede o natal. A celebração é feita por um garoto que recita um discurso vestido de anjo nas portas da igreja.

Um dos maiores atrativos desse mercado é provar as famosas Bratwurst (um tipo de salsicha), ou o Gluehwein (vinho aquecido no fogo), além dos inconfundíveis sanduíches de salsicha, típicos da culinária alemã.

As crianças não ficam de fora, já que Papai Noel bate cartão todo ano para visitar o local.

Mercado de Viena

Há mais de sete séculos existe o mercadinho de Viena, situado em frente à Câmara Municipal de arquitetura gótica da cidade. Rodeado por um parque, as árvores entram em sintonia com as luzes típicas do natal. Enfeites natalinos, artesanato típico da cidade e a melhor gastronomia local estão inclusos no passeio.

Mercadinho de Kaysersberg

Kaysersberg é um pequeno povoado da Alsácia com menos de 3000 habitantes. É um tesouro medieval, e seu mercadinho natalino completa a lista de eventos mais importantes do local. O mercado abre durante os quatro finais de semana anteriores ao natal, e também no dia 23 de dezembro, das 10 às 20 horas.

Todo centro histórico de Kaysersberg fica iluminado durante esse período, e lá pode-se encontrar artesanato local, como arranjos de flores, cerâmica, vidro artesanal e numerosas especialidades da cozinha alsaciana. Uma preciosidade dentro da França!

Mercadinho natalino de Sibiu

Sibiu é uma cidade histórica muito importante, localizada na região da Transilvânia, Romênia. Foi parada obrigatória para comerciantes, e durante muitos anos foi habitada por alemães, tanto que o nome de seu mercadinho é “Targul de Craciun din Sibiu".

Responsável por reunir mais de 60 produtores de toda Romênia, o mercado fica na praça Piata Mare, e nele encontramos artesanato, bolos e comidas típicas e muitos presentes para levar de lembrança. Ainda tem as atrações: pista de patinação, eventos para as crianças e até um trem fazem parte do pacote.

Mercado de Helsinque

Helsinque, capital da Finlândia, é a terra do Papai Noel. Fundada por suecos, depois da independência foram construídas algumas das zonas mais importantes da cidade, como o famoso Esplanadi, um jardim cheio de estátuas e fontes. O mercado natalino de Helsinque é o principal mercado da Finlândia, fica na praça do Senado e tem cerca de 120 barracas. Cheio de artesanato finlandês, enfeites natalinos, sobremesas e bebidas típicas da região, também enche os olhos dos turistas.

Mercado natalino de Wroclaw

A Polônia é mais um dos destinos europeus que conta com uma grande tradição de mercadinhos. Um dos mais conhecidos é o de Wroclaw, uma cidade com muitos universitários, que na época do Natal tem as principais ruas tomadas por barracas e atrações.

Se você viajar para a Polônia nessa época, não perca a oportunidade de conhecer outros mercadinhos, como os de Cracóvia e Varsóvia. Mais uma dica? Visite Zakopane, uma pequena cidade com um mercado enorme, que termina lá no alto das montanhas nevadas.

Pra ficar com mais vontade de viajar:
+ Museu proíbe visitantes de tirar fotos – ao invés disso, eles podem desenhar as obras!
+ Jovem coloca o antigo trailer da avó na estrada e fotografa cenários incríveis
+ Oh là là! Conheça 10 das praias exclusivas mais bonitas do mundo
+ Uau! Conheça 10 bares em coberturas com as vistas mais incríveis do mundo

by Ketlyn Araujo

você também vai <3:

por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino