Home / Lifestyle / Comida / A música muda o gosto da comida?

© iStock
Lifestyle

A música muda o gosto da comida?

by Marina Felix Published on 9 de maio de 2016

Todo mundo sabe: quanto melhor a atmosfera do lugar, melhor será a refeição

Ambientes ruins também podem deixar um gostinho amargo na boca, né? Mas até que ponto isso tem a ver com a trilha sonora de um restaurante, por exemplo? Será que a comida do seu restaurante favorito seria diferente se, em vez de um instrumental suave, eles tocassem um rock pesado? Olha, vou te dizer que sim! Paladar e audição estão mais interligados do que você imagina. Graças à Cadbury agora você pode provar dessa teoria!

Quando se trata de comida e música, tudo se resume a uma questão de gosto. Só que agora não estamos falando apenas de gosto musical, e sim o gosto que a música tem. Faz sentido? Calma, nós vamos explicar. Sabe por que chocolate é bem mais gostoso quando você está em um momento só seu, de boa ao som de Beyoncé? Bom, existe uma explicação para isso.

A Cadbury, empresa britânica de chocolates, se juntou à London Contemporary Orchestra, a Orquestra Contemporânea de Londres, para levar nosso amor por chocolate a outro nível. Depois de conduzirem sua própria pesquisa, eles combinaram seus chocolates às notas musicais para descobrir quais sabores ficariam melhores com certos estilos sonoros, na tentativa de fazer com que as barras ficassem ainda mais gostosas. Se é que isso é possível, né?

emma stone aprovando a comida

Experimentos parecidos já foram realizados antes. O chef esquisitão preferido de todos, Heston Blumenthal, fez um experimento combinando o sabor das ostras com o barulho das ondas e descobriu que elas ficavam 30% mais salgadas do que combinadas com um áudio de animais gravado em um celeiro. Charles Spence, especialista em psicologia experimental da Universidade de Oxford, também testou a combinação do café com sons mais e menos agudos. Porém, nenhuma dessas pesquisas é tão divertida quanto comer um monte de chocolate, não é mesmo?

A pesquisa de Spence mostra que, quando se trata de ~temperos sônicos~, sons mais agudos são associados a sabores doces e azedos, enquanto sons mais graves estão mais ligados a gostos amargos. As meninas do sofeminine.co.uk, com a ajuda da Cadbury, tentaram, elas mesmas, ouvir a comida. Segundo elas, os sons mais agudos complementaram as texturas mais crocantes de certos chocolates e os graves, as texturas mais “cremosas”, digamos assim.

Mas, é difícil perceber se a música realmente interfere em algo, pois, convenhamos, chocolate por si só já é muito bom! Vamos dizer que não vale a pena fazer a experiência? Claro que não. Que desculpa seria melhor para devorar chocolates, se não em nome da ciência?

Este texto foi escrito por @mrnblckdrss e editado por @cicaarra

Mais sobre comida? É aqui mesmo:

- Receita de bolo de cenoura com chocolate e zero lactose. Delícia!
- Gosta de doce? 9 receitas de sobremesas de micro-ondas
- Receita de beijinho de coco pra adoçar o seu dia
- Aprenda a preparar deliciosos (e lindos! ♥) macarons de chocolate

by Marina Felix

você também vai <3:

por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino
por Redação taofeminino