Home / Lifestyle / Cultura / Viagens longas não significam que você está fugindo de alguma coisa

© IStock
Lifestyle

Viagens longas não significam que você está fugindo de alguma coisa

by Alexandra Guida Published on 6 de maio de 2016

Aviso! Esse texto pode causar: vontade extrema de viajar, saudade da sua última trip e elaboração de planos e destinos

É quase um consenso: mães não conseguem ficar muito longe de suas filhas, né? Só de avisá-las sobre uma viagem mais longa, o coração já aperta. Se falar que está indo e ainda não sabe quando volta, então, minha amiga... é quase a terceira guerra mundial. Tudo bem, nós sabemos da saudade e, acima de tudo, da preocupação que causamos. Mas o que gostaríamos que elas entendessem é que nossas viagens não são uma tentativa de fuga da nossa realidade – e muito menos de vocês, mãezinhas queridas.

Pode até ser que viajar seja, em alguns momentos, uma escapatória. Mas é muito mais do que isso. É, na verdade, uma busca. E pode ser por algo novo, bonito, exótico, extraordinário ou tudo isso junto. O mais importante é que é uma caçada por nós mesmas. Não desejamos apenas descobrir lugares. Queremos surfar as maiores ondas do Havaí, encher a cara numa noite em Las Vegas, comer espetinho de grilo na Tailândia, meditar com os monges do Tibet, visitar monumentos históricos como o muro de Berlim... cobiçamos experiências.

Por isso, se alguém um dia te acusar de estar fugindo, diga que pode até ser que esteja. Mas que o medo é de continuar sendo quem você sempre foi. Viajar é uma escapada da mesmice, é uma forma de crescer. Mais: é a melhor maneira de desbravar nossos gostos, atingir nossos limites, nos conhecer por inteiro. E se isso não valer a pena, o que mais vale?

#1 Se viajar fosse resposta para problemas mal resolvidos, viveríamos dentro de um avião, certo?
A menos que seu trabalho permita (e nesse caso, queremos o seu emprego), é impraticável viajar toda vez que a decepção bate à porta. Não é o caso.

#2 Dar um tempo não é fugir
Clarear as ideias faz um bem danado. Enquanto viajamos, tomamos fôlego e reunimos coragem para lidar com tudo o que nos espera na volta.

#3 Gostamos da nossa própria companhia...
E não há jeito melhor de curtir a própria companhia do que viajando.

Continue com a gente!

Por que você deveria considerar ficar em um hostel na sua próxima viagem
Medo de viajar? Esqueça isso seguindo as nossas dicas
7 lições de vida que você aprende ao viajar sozinha

by Alexandra Guida

você também vai <3: