Home / Lifestyle / Cultura / Por que você deveria considerar ficar em um hostel na sua próxima viagem

© iStock
Lifestyle

Por que você deveria considerar ficar em um hostel na sua próxima viagem

by Geovana Pereira Published on 2 de maio de 2016

Não é um amontoado de hippies, pode acreditar

Um quarto com cama grande e confortável, serviço de lavanderia, serviço de quarto, televisão.... Parece a hospedagem ideal? Bem, vamos colocar as coisas em perspectiva.
Morar sozinha é difícil. Viajar sozinha é ainda mais difícil. Você sente falta dos amigos, das conversas em cafés ou jantares com boas companhias e quando você está sozinha em um quarto a saudade e a solidão apertam. Quer ajuda para resolver esse problema? Vamos te mostrar por que se hospedar em um hostel, pode ser a solução.

1. Espírito de comunidade

A partir do momento em que você passa com a sua mochila pela porta de um hostel, você encontra muita gente. Começando pelos colegas de quarto, que podem ser oito, dez ou doze pessoas, ou seja, você vai ter mais companhia do que teve sua vida toda! Então, o espírito de comunidade reina desde o início.

Há também pessoas interessantes fora do seu quarto, você vai encontra-las enquanto cozinha, enquanto pede informação na recepção, no bar ao aproveitar uma cerveja local – vocês moram juntos e compartilham tudo! Todos querem ter um bom relacionamento com seus colegas. Um hostel é uma casa com vários quartos e espaços em comum para encorajar a galera a se conhecer, por isso costuma ter um bar e outros ambientes propícios para novas amizades. As pessoas passam de desconhecidos a amigos de infância em um piscar de olhos!

pessoas se abraçando

2. Muita gente interessante

Uma das coisas legais de ser uma viajante é que você sempre pode iniciar uma conversa com outro viajante: de onde você é? Há quanto tempo você está viajando? Pra onde você tá indo? Sério, é um tipo de script, mas todos estão realmente interessados em compartilhar experiências. E você vai encontrar muitas histórias interessantes - eu conheci uma sueca que estava começando um mochilão pela América do Sul no Rio de Janeiro, um inglês que fez intercâmbio no Brasil e dez anos depois voltou para rever os amigos da adolescência, uma garota que viajava o mundo com a irmã há dois anos e elas não pretendiam parar! As histórias sempre surpreendem e você não vai acreditar na quantidade de gente interessante que tem por aí só esperando você deixar a timidez de lado e ir dar um oi. Essas pessoas podem estar no mesmo hostel que você.

3. Localização privilegiada

Você pode se hospedar no Hilton por um preço absurdo ou ficar em um quarto por menos de trinta reais a diária, bem no centro da cidade. E a localização também é parte das facilidades de se fazer amigos enquanto vai, por exemplo, à padaria. Já pensou em chamar para sair uma pessoa aleatória que estendeu a mão para pegar o café ao mesmo tempo que você? É apenas uma questão de passar pela porta e olhar ao seu redor. A localização ajuda a fazer amigos e convidá-los para sair fica muito mais fácil.

4. A equipe do hostel tem informação privilegiada

Não quer gastar muito no jantar? Quer saber onde os moradores compram cerveja barata? Conhecer lugares legais que não estejam lotados de turistas? A equipe do hostel é geralmente composta de viajantes que se hospedam na cidade por alguns meses e eles têm muita informação privilegiada de onde se pode obter o melhor almoço, onde ficam os bancos, qual o melhor horário para ir aos pontos turísticos mais badalados, onde passar a noite e outras coisas úteis. Eles entendem como é estar na pele de um viajante e estão sempre mais do que dispostos a ajudar. É melhor e mais fácil que qualquer aplicativo ou guia turístico!

5. A maioria dos hostels tem cozinha

Gastar muito dinheiro com padarias e restaurantes pode esgotar o dinheiro da sua viagem em poucos dias, mas isso não é um problema para quem se hospeda em um hostel. A maioria deles têm uma cozinha com fogão, panelas, frigideiras, geladeira à sua disposição! Além de ser ótimo para sua carteira, cozinhar no hostel pode ajudar com as amizades. Convide seus colegas de quarto para um jantar, vocês podem dividir uma garrafa de vinho, aposto que o cheirinho da comida vai atrair ainda mais pessoas legais.

6. Alguém disse festa?

Em vez de passar o dia fora, voltar para a cama do hotel e passar o resto da noite assistindo TV, hostels tentam com todas as forças te tirar da cama e te fazer interagir com os outros hospedes. Eles promovem noites de cinema, têm jogos de tabuleiro, baralho, excursões gratuitas, festas, happy hour - qualquer coisa para te manter ativa e ter alguém para contar como foi seu dia. Há cerca de zero chance de você se sentir solitária. E você não tem que passar uma noite sozinha no escuro, na companhia da sua mala.

homem em festa

7. A hospedagem faz toda diferença na sua viagem

Quando penso nas minhas viagens, logo lembro dos hostels e das pessoas que eu conheci lá, as vezes são a melhor parte, mas sempre são uma parte importante. Ao se hospedar em um hotel, você está apenas procurando um lugar para tomar banho e dormir. Ao se hospedar em um hostel, você já sabe que vai fazer novos amigos, ver novos lados da cidade e aprender com todas as inesperadas histórias de estranhos.

Carrego comigo várias histórias quando chego a um hostel, mas saio de lá com muito mais coisa pra contar, experiências, amigos que deixam saudade, aprendizados... Coisas que ficam pra sempre na memória: os almoços compartilhados, as longas caminhadas, a moça que chegou no quarto quando eu estava indo embora e disse sorrindo: provavelmente nunca nos veremos de novo, mas te desejo uma ótima viagem e muito amor na sua vida!

Este texto foi escrito por @compergeovana e editato por @cicaarra

Fica mais um pouquinho! Leia aqui:

by Geovana Pereira

você também vai <3: