Home / Lifestyle / Sociedade / Outubro Rosa: conheça Flávia Flores, criadora do site Quimioterapia e Beleza

© Divulgação
Lifestyle

Outubro Rosa: conheça Flávia Flores, criadora do site Quimioterapia e Beleza

by Redação taofeminino Published on 24 de outubro de 2016

Depois de descobrir um câncer de mama, a ex-modelo dá dicas para enfrentar o tratamento com mais autoestima. Por Mirela Mazzola

Há quatro anos, a catarinense Flávia Flores recebeu uma notícia que transformou a própria vida e, depois, a de muitas mulheres: um diagnóstico de câncer de mama. Em apenas um mês, ela descobriu a doença e teve que passar por mastectomia (a retirada de uma ou de ambas as mamas) e quimioterapia. "Para mim, mesmo em meio aos tratamentos que vieram depois, o diagnóstico foi o momento mais chocante", diz Flávia, de 39 anos. Antes de estar à frente do site Quimioterapia e Beleza, ela já foi modelo, produtora e figurinista.

A vontade de compartilhar experiências e a falta de tato de algumas pessoas próximas, que tinham receio de perguntá-la sobre o tratamento, a levaram a criar um perfil no Facebook para dividir a rotina com quem quisesse notícias dela. À medida que mergulhava na internet e sofria com os efeitos colaterais da quimio, como a queda de cabelo e a falta de viço na pele, Flávia começou a buscar conteúdo de estética para pacientes de câncer de mama. "Simplesmente não havia nada que relacionasse quimioterapia e beleza na internet", lembra ela.

O tratamento de câncer de mama costuma ser doloroso e, além de ter o apoio da família e dos amigos, manter a autoestima é importante para atravessar esse momento de um jeito mais leve. Ao concluir isso, Flávia percebeu que outras mulheres também buscavam esse tipo de conteúdo. Por isso, no fim de 2012, ela criou o blog Quimioterapia e Beleza, que ensina amarrações de lenços, colocação de perucas e de cílios postiços, além de dicas de maquiagem para recuperar o viço. “Você pode perder tudo, como a cor da pele, o formato do rosto e todos os pelos do corpo, mas nunca pode perder a autoestima”, diz Flávia.

No início do projeto, ela conta que algumas pessoas que não tinham câncer a acusavam de ser fútil. "Elas diziam que não havia beleza na minha situação e que eu deveria me preocupar só com o tratamento", lembra. Conforme o site ficou mais conhecido, Flávia passou a apoiar outras iniciativas, como o Banco de Lenços, onde é possível doar e receber lenços em casa sem custo. Cerca de 10 mil mulheres já foram presenteadas. Durante o Outubro Rosa, ela deu um workshop de lenços na flagship da Salvatore Ferragamo, em São Paulo. Parte da renda pela venda de peças cor-de-rosa selecionadas por Flávia foi revertida para a causa. O livro Quimioterapia e Beleza (Ed. Geração Editorial)​, que já foi lançado em Portugal, está na terceira edição. Para o fim do ano, está previsto o lançamento de um documentário sobre câncer de mama.

Quimioterapia: cuidados de beleza

Ainda em tratamento, Flávia gosta de destacar a importância da manutenção do peso (a obesidade é um fator de risco para o câncer de mama), por meio de atividades físicas e alimentação saudável, com mais produtos orgânicos e menos açúcar branco. "Foi uma prescrição médica para o resto da vida", conta. "Lenços alegres e coloridos, além de animar o astral, são frescos e protegem do sol. Mas naqueles dias mais cinzas, que tal uma peruca cor-de-rosa?", brinca Flávia.


Ficou inspirada com a história da Flávia Flores? Então não se esqueça que ainda estamos no Outubro Rosa, mês mundial de conscientização sobre o diagnóstico precoce e a importância do autoexame das mamas.

Mais matérias sobre câncer de mama

by Redação taofeminino