Home / Lifestyle / Sociedade / Deficientes visuais que se maquiam sozinhas são um baita exemplo

© iStock
Lifestyle

Deficientes visuais que se maquiam sozinhas são um baita exemplo

by Redação taofeminino Published on 24 de maio de 2017

É possível aprender em cursos direcionados a pessoas com cegueira ou baixa visão. Veja dicas da maquiadora que ministra um deles, em São Paulo. Por Mirela Mazzola

Beleza vem de dentro – não importa o que as outras pessoas digam ou achem – e só autoestima e segurança podem fazer com que a gente se sinta bem de verdade em relação ao nosso corpo. Mas quando se trata das maravilhas que a moda e a maquiagem podem proporcionar (para quem curte, claro), nem sempre a indústria pensa em quem está "fora dos padrões" – como essa minifashionista com paralisia cerebral que vai derreter seu <3.

Você já imaginou, por exemplo, que uma deficiente visual queira usar maquiagem, ainda que só os outros possam enxergá-la? E mais: sem ajuda.

Por meio de cursos de automaquiagem isso é superpossível. Bacana, né?

Curso de automaquiagem para deficientes visuais

Em São Paulo, a Associação Brasileira de Assistência à Pessoa com Deficiência Visual (Laramara), em parceria com a rede de salões de beleza Jacques Janine, promove a "3ª edição do curso de automaquiagem para pessoas cegas e com baixa visão". O evento é gratuito (mas é preciso se inscrever na sede da associação, na Barra Funda, ou pelo telefone 11/3660-6412).

Na próxima quarta, 31 de maio, as aulas acontecem das 9h às 12h. Há ensinamentos teóricos e práticos que vão da preparação da pele à aplicação de cílios postiços. Quem ministra o curso é a maquiadora e consultora de imagem da rede de salões, Chloé Gaya.

O exercício começa com a aluna mapeando o próprio rosto e identificando seus traços por meio do tato. Além de trazer autoconhecimento, isso facilita as técnicas que serão aprendidas a seguir. Os produtos são identificados em braille e com legendas ampliadas, para quem tem baixa visão.

Quer saber mais sobre essas técnicas? Conversamos com maquiadora Chloé Gaya, dá uma olhada.

Como você desenvolveu técnicas de maquiagem para deficientes visuais? Fez algum curso específico?

As técnicas têm como base as aulas de automaquiagem que eu ministrava, com adaptações às necessidades das mulheres com deficiência visual. Mas a convivência com elas foi essencial para que eu identificasse quais eram as maiores dificuldades e limitações. Além disso, a equipe de apoio que participa do curso comigo fez uma oficina na qual elas maquiaram umas às outras de olhos vendados.

Qual é a importância de incluir conhecimentos de maquiagem na autoestima de deficientes visuais?

A maquiagem faz parte da imagem visual de cada mulher. Quando nos vemos mais bonitas, a nossa autoestima aumenta, e isso nos deixa mais confiantes para enfrentar o dia a dia. No caso das mulheres com deficiência visual, pela minha experiência, o ato de se maquiar já faz com que você elas se sintam mais bonitas, mesmo sem se ver no espelho.

Existe algum macete para quem tem dificuldades de se maquiar de óculos, por exemplo?

Para quem tem baixa visão ou até para quem tem muita necessidade do uso dos óculos de grau no dia a dia, os espelhos de aumento são ótimas opções. Como existem vários níveis de aumento, é possível encontrar um que a pessoa se adapte melhor. Além disso, para quem usa óculos, existem modelos próprios para se maquiar (que levanta a lente de um lado e do outro não), facilitando a automaquiagem.

E para quem tem mãos trêmulas?

A dica é sempre apoiar os cotovelos em uma mesa ou bancada na hora de se maquiar, deixar o espelho bem perto do rosto e apoiar a mão na face na hora de aplicar os produtos nos olhos, de forma que haja mais estabilidade e firmeza.

Deficientes visuais precisam de produtos ou pincéis específicos para se maquiar?

Mulheres com deficiência visual precisam apenas ser muito organizadas com seu material de maquiagem, para poder identificar cada produto e pincel. Elas usam o tato e em alguns casos é colocada uma identificação de textura ou em braille. Em relação aos pincéis, todas experimentam se maquiar com eles, mas algumas preferem usar as mãos e as pontas dos dedos para algumas técnicas, assim conseguem ter mais controle sobre onde cada produto deve ser usado.

Qual a história de superação mais marcante que você vivenciou?

Uma das alunas, por exemplo, tinha muita vergonha de tirar os óculos escuros, mas depois de aprender a se automaquiar se sentiu confiante para dispensá-los. Para outra, que tinha que ser maquiada pelo marido, foi superimportante aprender e ganhar essa autonomia.

Inspire-se!

Veja também: Letras de músicas poderosas sobre beleza e autoaceitação

All About That Bass, Meghan Trainor © Arte de Tanya Leigh

Mais em Sociedade:

A ativista e ex-consulesa Alexandra Loras lança livro sobre o legado negro na ciência
15 frases inspiradoras sobre emponderamento feminino
Cientistas empoderadas (e poderosas) finalmente estão na pauta

taofeminino ​♥ Pinterest

by Redação taofeminino

você também vai <3: