Home / Bem-Estar / Saúde / Como se adaptar ao horário de verão

© Foto: Hemera Technologies
Bem-Estar

Como se adaptar ao horário de verão

Maria Cecília Arra
by Maria Cecília Arra Published on 18 de novembro de 2013
A-
A+

Adianta hora, depois atrasa. E nosso relógio biológico sofre para se adaptar às mudanças...

No Brasil, a alteração do fuso oficial é chamada de horário de verão. Adotada ao longo de cinco meses do ano, a mudança acontece principalmente para a economia de energia elétrica. Mais do que isso, permite que aproveitemos por mais tempo os dias de verão, naturalmente mais longos devido à posição da Terra em relação ao Sol.

Entrando em sintonia

Nos primeiros dias de mudança do horário, depois de adiantar o relógio em uma hora, o nosso cérebro tem certa dificuldade de compreender a nova rotina. A perda de uma hora de sono pode ter consequências ao longo dos próximos dias, podendo provocar dificuldades de concentração, dores de cabeça, indisposição, sonolência e até até alterações de humor. É preciso se preparar para o início do novo fuso horário. Para compensar essa hora perdida de sono, o ideal é...

- Ir para a cama mais cedo
- Dar preferência para atividades mais tranquilas nos dias seguintes à alteração.
- Não tirar cochilos durante o dia. "Guarde" o sono para a hora de ir para a cama.
- Evitar bebidas energéticas.
- Fugir de refeições mais pesadas no início da noite.

O fim do horário de verão

Na terceira semana de fevereiro do ano seguinte, o relógio deve ser atrasado em uma hora. Então, nós "ganhamos" uma hora de sono (ou de balada). Ao longo do verão e do outono, o período de luz natural vai se tornando cada vez menor. Quando precisamos acertar o despertador, nosso organismo tem menos dificuldade de aceitar a nova rotina.

by Maria Cecília Arra

você também vai <3: