Home / Bem-Estar / Dieta / Dieta detox: os reais benefícios do cardápio sem glúten, lactose ou café

© iStock
Bem-Estar

Dieta detox: os reais benefícios do cardápio sem glúten, lactose ou café

by Alexandra Guida Published on 7 de outubro de 2016
405 shares

Exagerou no trash e a consciência pesou? Faça uma faxina no organismo entrando em uma dieta detox

O objetivo da dieta detox é desintoxicar, fazer uma limpeza geral no corpo. Facilitar, através de uma alimentação baseada no consumo de “comidas de verdade” – como frutas, hortaliças (orgânicas), suchás, sucos e chás –, o trabalho dos órgãos encarregados de eliminar as toxinas (fígado, rins e intestino). O resultado é uma figura mais esguia no espelho, já que com essa alimentação você acaba desinchando bastante.

A dieta detox não faz ninguém passar fome, tem curta duração e é importante que contenha de quatro a seis refeições diárias. Uma boa pedida é segui-la antes de uma viagem para a praia ou depois de um fim de semana de excessos. Lembre-se: nunca é ok viver no ciclo “entope-desentope”, o ideal é tentar manter hábitos saudáveis no dia a dia.

Como funciona a dieta detox?

A nutricionista esportiva Carolina Paz (RJ) explica: “Na dieta detox, não contamos calorias, mas o efeito que determinados alimentos e nutrientes farão para que a eliminação das toxinas ocorra de maneira eficaz. Para isso, são utilizados alimentos funcionais que auxiliam o processo”.

Os alimentos permitidos na dieta detox

As grandes aliadas da dieta detox são as frutas e as verduras. Invista em alimentos ricos em vitaminas, nutrientes e antioxidantes, como cobre, zinco, vitamina A e B12 e ferro.

  • Vegetais e legumes

Para começar a dieta detox, é bom conhecer alguns aliados. Seu braço direito? A alcachofra. Ela é diurética, regula o intestino e estimula a produção de bile (que atua na digestão de gorduras e absorção de nutrientes), por isso, é um excelente alimento para eliminar toxinas – e é pouco calórico! Outras verduras para levar em conta são o aipo, que revigora o fígado, o aspargo, que é rico em potássio e favorece o trânsito intestinal, a escarola, que além de melhorar o funcionamento do fígado, evita flatulências. Esses alimentos podem ser consumidos crus, cozidos ou em caldo. Opções de preparo não faltam para que a dieta nunca caia na mesmice.

Espinacas © iStock

  • As melhores frutas

Além de terem um potencial calórico muito baixo, as frutas são ricas em fibra e por isso, se tornam uma ótima opção para a dieta detox. O abacaxi, por exemplo, se destaca pelas fibras e pela bromelina, que facilita a digestão. O morango é uma excelente fonte de antioxidantes e é diurético, o que facilita a eliminação de substâncias ruins pela urina. A uva, rica em potássio, fica responsável pela eliminação de excessos de líquidos. Uma boa pedida é beber suco de uva integral em jejum. Para um superefeito detox, faça sucos naturais, direto das frutas, misturando kiwi, laranja, maçã ou pera. Sempre que puder, coma também as cascas – nada de adoçar, ok?

Piña © iStock

Os alimentos a evitar durante uma dieta detox

"Normalmente, só entram na dieta detox alimentos orgânicos e livres de substâncias como corantes, edulcorantes, aromatizantes e adoçantes", comenta a nutricionista Bruna Lyrio (RJ). Açúcar refinado, farinha branca, gorduras trans estão fora de cogitação, tá? Risque da lista também os itens com alto potencial alergênico – leia-se: leite e derivados, soja e glúten.

Benefícios da dieta detox

A dieta detox não tem como objetivo principal o emagrecimento e, sim, uma limpeza e a melhoria no funcionamento do organismo. Ela preza mais valores altos em fibra e potássio (que ajudam o funcionamento do fígado e rins) do que o número de calorias dos alimentos. Os efeitos aparecem muito rápido, já que acaba com a retenção de líquidos, com o inchaço no estômago, com os gases e outros sintomas chatos que te fazem parecer maior do que realmente é

Bebidas detox para eliminar toxinas do corpo

Claro que a bebida a ser priorizada é a água. Nada melhor do que ela para manter o organismo hidratado, melhorar a digestão e acabar com a falsa sensação de fome. Mas nós sabemos que beber só água pode ser bem chato – ainda mais porque a dieta proíbe o café e os refrigerantes de cola – então temos algumas sugestões para dar um gostinho a mais: tente as infusões de cavalinha, erva-cidreira, dente de leão e erva-doce.

Bônus: receita de suco detox

Ingredientes
· 2 maçãs
· 1 cenoura
· 1 copo de chá verde
· 2 folhas de couve
· 4 talos de hortelã
· 1 pedaço de gengibre

Modo de preparo
Bater os ingredientes no liquidificador e coar numa peneira. Sirva gelado.

Ainda não acabou!

Veja também: 24 alimentos com poder detox

25 alimentos com poder detox © iStock

Continue com a gente!

6 benefícios da água com limão que você precisa conhecer?
O que é uma dieta equilibrada?
Comer babosa faz bem (sim, comer!)

by Alexandra Guida 405 shares

você também vai <3: