Home / Bem-Estar / Dieta / Por que você deveria passar longe das dietas líquidas

© knape/iStock/Getty Images
Bem-Estar

Por que você deveria passar longe das dietas líquidas

by Ana Paula Sanches Published on 5 de maio de 2015

Tá procurando uma forma rápida, prática e econômica de perder peso? Passe longe das dietas líquidas

Se você costuma acompanhar as tendências do mundo da nutrição, já deve ter ouvido muito sobre a dieta líquida, que indica a ingestão de sucos, chás e líquidos no geral. Teoricamente, a overdose de bebida propiciaria uma perda de peso mais rápida. Ficou tentada? Atenção, querida leitora: temos más notícias. Arriscar a saúde por alguns quilinhos não está com nada, afinal.

Será que toda dieta líquida é problemática?

Segundo Erin Henrie, coodernadora de saúde e nutricionista da Simply U Nutrition & Wellness, nos Estados Unidos, a dieta líquida pode ser feita sem causar problemas à saúde desde que o interessado procure a ajuda de um profissional. “Existem algumas dietas líquidas boas por aí, mas elas exigem um planejamento muito maior do que aqueles ‘5 passos para emagrecer que a gente vê nas revistas”, afirma a especialista. Além disso, a pessoa sempre deve ficar atenta às reações do seu organismo. “Se sentir fome, alimente-se”, é a dica da médica para evitar problemas.

Quando a dieta é feita sem a supervisão de um nutricionista ou endocrinologista, há maiores chances de complicações, sugere Erin. “Pode funcionar para uns, mas não para outros. As dietas líquidas podem ser muito perigosas porque a maioria não as faz tomando cuidado com a saúde”. As declarações da nutricionista fizeram uma luzinha vermelha acender por aí? Vamos mostrar agora os riscos das dietas líquidas para que você realmente avalie se vale a pena entrar em uma:

Risco nº 1) Você pode GANHAR peso

Vamos começar pelo risco que vai realmente te fazer pensar duas vezes antes de começar a dieta líquida: ela pode fazer você GANHAR peso. “Quando feita da forma errada, a dieta pode atrapalhar o seu metabolismo e fazer com que o processo de queima de calorias seja comprometido”, explica a nutricionista. Isso acontece porque a maioria das dietas não contêm os nutrientes que precisamos, o que faz com que o corpo passe a armazenar calorias para se manter funcionando ao invés de liberá-las.

Regina George chocada

Essa provavelmente foi a cara que você fez ao ler isso.

Risco nº 2) Você pode receber menos nutrientes do que precisa

Como citamos acima, a maioria das dietas são bem pobres em nutrientes essenciais ao nosso corpo. Além da retenção de calorias, isso pode resultar numa alimentação pobre e gerar até mesmo uma anemia ou deficiência de vitaminas. Nada legal, né?

Merida, da Disney, desmaiando

Não queremos ninguém desmaiando por aí, certo?

Risco nº 3) Esse papo de detox na dieta líquida é a maior furada

Muitas pessoas acreditam que ingerir somente líquidos faz com que o corpo fique limpo e, assim, “desintoxicado”. A verdade é que uma dieta líquida pode gerar um efeito completamente contrário: “Cientificamente falando, quando uma dieta líquida é feita da forma errada, as toxinas do seu corpo não têm para onde ir e acabam flutuando pelo sistema circulatório”, explica a médica. O resultado disso? “As toxinas flutuam livremente, sem uma fibra para se agarrar, o que pode fazer com que a pessoa adoeça com mais facilidade”. Péssimo, amigas!

Zoey Deschannel dizendo que está chocada

"Eu provavelmente continuo chocada". Sim, nós te entendemos.

Risco nº 4) Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais de uma dieta líquida são vários, mas os mais desagradáveis envolvem dores de cabeça e de estômago, náuseas, falta de foco e energia, fraqueza, irritabilidade e, é claro, ganho de peso. Por isso repetimos o questionamento: será que vale realmente a pena começar uma dieta radical mesmo correndo tantos riscos?

Mulher passando mal

Passar por uma situação dessas seria, no mínimo, desagradável.

Risco nº 5) Estourar o seu orçamento

A questão financeira até perde a relevância diante de tantos problemas negativos na saúde, mas não deixa de ser importante alertá-la. Uma dieta líquida com um mínimo de qualidade exige que você use frutas e vegetais de boa procedência, sem adição de químicos e conservantes, que geralmente custam mais caro – e, como você sabe, fazer compras no mercado não tem sido exatamente uma tarefa barata. Portanto, se não for para proteger a si mesma, evite a dieta líquida pelo seu orçamento. O bolso agradece.

Mulher dizendo

"Ajude-me, sou pobre!"

E você, fez ou tem algum conhecido que já fez a dieta líquida? Comente aqui sua experiência pra gente!


​Agora vem ver formas bem mais bacanas de perder peso:

• Canela e mel: duplinha dinâmica para turbinar a dieta
• O que você precisa saber sobre a dieta hormonal
• Os benefícios da dieta anti-inflamatória
• 30 dicas para manter a forma no dia a dia

by Ana Paula Sanches

você também vai <3: